ALMEDIA, o feitiço da arte

   Em miúdo, eu receava um pouco quando me falavam de feiticeiras, mas não acreditava muito que fossem tão más como se dizia.   Durante a minha vida encontrei algumas que me deram a volta com feitiços.   Concluí que até me agradava sêr enfeitiçado. Louvor, pois à arte da feitiçaria que me lançou por êstes caminhos da Arte, sempre como admirador fiel e, de vez em quando, como praticante tímido.   Por aqui irei depositando alguns trabalhos, do campo da Fotografia que comecei a praticar dêsde muito cêdo, por culpa de um sarampo.   Meu pai ofereceu-me uma máquina, uma pequena caixinha onde facilmente capturava cênas do dia a dia, autêntica feitiçaria em acção.   Por muitas décadas fui apurando os meios e o jeito até considerar hoje que o que faço é capturar Imagens, pequenas fracções de Informação do mundo em que nos movimentamos. Já não são só Fotografias, são Impressões, são Pinturas, Testemunhos, Informação, uma forma de vêr particular.   Também incluo nesta mostra pequenas esculturas, em estilo Poparte.     Terei o maior prazer em confraternizar aqui com os meus Amigos, nos quais estão incluídas as Amigas, as ternas e bondosas "Feiticeiras", que muito, muito estimo.

                                                                                   Francisco Mota(Almedia)